A Noite é Delas (“Rough Night”)

Genre :
Actor : , , , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2017

Logo no início, rola uma piada que até é engraçada, mas que em uma fração de segundo é explicada por um dos personagens, o que literalmente estraga com todo o humor. E é continuamente insultando a inteligência do espectador que esse “A Noite é Delas” desperdiça um bom elenco e uma premissa boa que mistura “Se Beber Não Case” com o clássico oitentista “Um Morto Muito Louco”.

Na despedida de solteira de Jess (Scarlett Johansson de “A Vigilante do Amanhã”), suas amigas contratam um stripper e na hora do vamos ver, uma delas sem querer pula em cima dele, fazendo-o batendo a cabeça e morrer. Agora as meninas têm um corpo e não sabem o que fazer com ele.

O roteiro segue caindo em lugares comuns e que dependem muito do talento cômico das atrizes (que é parte do problema e já vou comentar) e por muitas vezes não tem a mínima coerência. A própria história do defunto, quando confrontamos a reviravolta do terceiro ato com o início, não faz sentido algum. Sem contar com algumas crateras na narrativa como a cena em que elas estão de carro no meio do caminho para desovar o corpo e daí o carro quebra, sendo que ao invés de seguir até o fim, elas voltam pra casa sendo que a distância era praticamente a mesma (repare que dos 45 minutos do caminho, se passam 20 – quase a metade). Pior, ainda nessa cena, é que elas empurram o carro até a casa de volta e parece nem ter havido passagem do tempo. Aliás, é incrível que as tentativas de desovar o corpo tenham falhado simplesmente porque elas desistem após a primeira vez (para dar lugar a mais “piadas” – entre aspas) quando se consertassem a falha inicial, teriam êxito sem problemas.

Disse há pouco que o elenco é bom. E é. O problema é que a química entre as atrizes é zero. É como se cada uma, a seu modo, tentasse contar a piada do seu jeito sem que haja uma dinâmica contextual entre o grupo. Se Scarlett Johansson parece bastante desconfortável numa comédia, Kate McKinnon (“A Última Ressaca do Ano”) que já é do ramo, repete o papel de sua persona de todos os filmes que às vezes funciona, enquanto Jillian Bell que volta a fazer parceria com McKinnon depois daquele mesmo filme força a barra do riso um pouco desnecessariamente.

O roteiro falho e a química pobre atrapalham tanto que as melhores cenas são justamente de outra trama: a do noivo de Jess tentando chegar até ela, onde – aí sim – a história acerta em cheio colocando-o como a antítese do machão americano, isto é, um cara delicado e bastante calmo que se vê diante de uma situação bem adversa. Só poderia ser melhor interpretado, pois o desconhecido Paul W. Downs ainda tem muito chão pra gramar até chegar num timing cômico decente.

A Noite é Delas” decepciona com roteiro e direção amadoras que falharam desde o casting até na condução do elenco e com piadas pra lá de passadas. Melhor passar.

Curiosidade:

– Há uma cena em que a amiga Kiwi diz que elas deveriam fazer que nem foi feito num caso na Austrália onde cozinharam e comeram o corpo. O caso realmente aconteceu onde um chef de cozinha matou, cozinhou e comeu seu namorado que era transgênero em 2014 na cidade de Brisbaine. O assassino se suicidou logo após o crime.

Ficha Técnica

Elenco:
Scarlett Johansson
Jillian Bell
Zoë Kravitz
Ilana Glazer
Kate McKinnon
Paul W. Downs
Ryan Cooper
Ty Burrell
Demi Moore
Enrique Murciano
Dean Winters
Colton Haynes
Patrick Carlyle

Direção:
Lucia Aniello

Produção:
Lucia Aniello
Dave Becky
Paul W. Downs
Matt Tolmach

Fotografia:
Sean Porter

Trilha Sonora:
Craig Alpert

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑