Perigosas (“Bitch Slap”, EUA, 2009)

Genre : ,

Mulheres sem noção de tão lindas, seios em profusão com direito a até beijos lésbicos, ótima quantidade de sangue e tripas, trilha sonora metida a alternativa. Fãs do trash, regozijai-vos. Um filme que vai deixar os fanáticos pelo gênero malucos. Três mulheres lindas de morrer se encontram no meio do nada com um cafetão para desenterrar um tesouro que encobre um mistério. Através de mini-flashbacks (sim, tipo aqueles de “Os Normais“), o espectador vai descobrindo quem é quem, percebendo que as mocinhas não são tão mocinhas como parecem.

A abertura e boa parte do filme tem a mais que óbvia inspiração em Quentin Tarantino e Robert Rodriguez. Os créditos iniciais são geniais, porém a falta de grana tem clara influência principalmente nos flashbacks onde você nota os atores praticamente em closes rodados num fundo verde de má qualidade. Contudo os realizadores foram inventivos e deram fortes toques de humor na sua própria falta de estrutura, como se estivessem rodando uma espécie de “Sin City” às avessas.

O elenco é de cair o queixo da macharada e não levantar mais, principalmente por uma das protagonistas, a modelo quero-casar-com-ela-agora Julia Voth. Além disso, os personagens são propositalmente estereotipados para tornar as situações absurdas que a trama nos coloca, mais absurdas ainda, como se tudo fosse uma grande brincadeira. Cenas desde já antológicas para os fãs como o surto de uma das meninas (a outra modelo lindíssima America Olivo) ao tomar uma droga esquisita, o punk Hot Wire tremendamente hilário com seu Transtorno Obsessivo Compulsivo interpretado pelo ótimo desconhecido William Gregory Lee e a luta na neve incitando os filmes de espiões dos anos 60 incorporados na terceira gata, a atriz (ou quase) Erin Cummings.

O final mesmo que previsível ainda homenageia (ou sacaneia com) o clássico “Os Suspeitos” de 1995. Aviso aos navegantes: “Bitch Slap” é trash puro, uma obra de arte desse gênero que tem tudo menos arte. Então é bem lógico que o público alvo são os adoradores desse gênero e só. Ou melhor, os homens em geral devem se deliciar. Com o aviso dado, é só se divertir.

[rating:3]


Ficha Técnica

Elenco:
Julia Voth
Erin Cummings
America Olivo
Michael Hurst
Ron Melendez
William Gregory Lee
Minae Noji

Direção:
Rick Jacobson

Produção:
Rick Jacobson
Eric Gruendemann

Fotografia:
Stuart Asbjornsen

Trilha Sonora:
John Graham

 

1 Comment

Leave us a comment

  • Juliano
    on

    Ótimo filme! Recomendei a todos amigos, porém com a ressalva: não assistam junto com as respectivas namoradas/esposas. Pois acho que elas não entenderiam a beleza deste filme, assim como a maioria dos homens, não gostam de comédia romântica.

    Não gosto de filmes de ação, mas este tem um ótimo atrativo. Nada de homens super fortes batendo e atirando em meio mundo.

    Sou fã de filmes trash, mas só descobri que este é um ao ler a crítica. Acho que algo havia chamado minha atenção rs
    E que venha a(s) continuação(ões) logo!

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑