Cegonhas (“Storks”)

O mais bacana dessa animação da Warner, que vem cada vez mais produzindo de forma consistente e de qualidade, é a falta de preocupação com as convenções narrativas e talvez por isso, desde a história até a execução, “Cegonhas” é diferenciado.

Sem muitas explicações, aborda um tema delicado para as crianças que é como se fazem bebês. Segundo o filme, era com as cegonhas, até que um incidente fez com que elas mudassem de ramo, sendo uma entregadora de produtos (tipo uma terceirizada da Amazon). Vejam que, apesar de óbvio, o roteiro não entra no mérito de como os bebês são “feitos” e só essa particularidade já é engraçada por si só. É aí que entra a cegonha Júnior, que está a um passo de se tornar chefe da loja, quando precisa demitir a única humana de lá, Tulipa que foi a última a nascer pela fábrica de cegonhas, mas nunca foi entregue. Quando sem querer, a máquina é ligada e fabrica outro bebê, Junior e Tulipa têm que entrega-lo em segredo e acabam se metendo em várias aventuras.

Todas elas (as aventuras) têm um ou mais componentes absurdos que flertam com o besteirol, mas funciona de forma inteligente: a matilha de lobos que consegue se transformar em qualquer coisa; a doçura do bebê que hipnotiza os personagens; a própria família que sem saber aguarda o bebê que exagera tanto na falta de atenção ao filho no início, quanto no excesso durante a projeção; e até o hilário pombo que quer sempre estar à frente da ação, mas só se ferra (de longe o personagem mais engraçado e também absurdo).

Como todo roteiro de qualidade, os momentos mais dramáticos estão presentes para tocar o coração de pais e filhos, não só com uma narrativa de consistência, como também pelo tema justamente da paternidade. Claro que há os clichês básicos de animações do gênero, mas o diretor de “Vizinhos 2“, Nicholas Stoller, sempre encontra espaço narrativo sem forçar a barra.

Cegonhas” surpreende pela história mirabolante que encontra um jeito de se encaixar numa lógica peculiar com personagens que vão cativar o público.

Curiosidade:

– O endereço cornerstore.com existe de verdade e é uma loja que não tem ligação com o filme.

Ficha Técnica

Elenco:
Andy Samberg
Katie Crown
Kelsey Grammer
Jennifer Aniston
Ty Burrell
Anton Starkman
Keegan-Michael Key
Jordan Peele
Danny Trejo
Stephen Kramer Glickman
Christopher Nicholas Smith
Awkwafina
Ike Barinholtz
Jorma Taccone
Amanda Lund

Direção:
Nicholas Stoller
Doug Sweetland

Produção:
Brad Lewis
Nicholas Stoller

Fotografia:
Simon Dunsdon

Trilha Sonora:
Jeff Danna
Mychael Danna

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑