Drone

Genre : ,
Actor : , ,
Director :
Country :
Release Date : 2017

Certamente vai dividir opiniões, pois é um filme curto e, apesar da premissa batida, faz uma abordagem peculiar da hipocrisia americana quanto à violência em várias mensagens explícitas e subliminares. O peculiar é que o espectador só consegue pegar rumo do filme depois de meia hora.

Após um míssil americano disparado por um drone atingir civis no Paquistão, aparentemente um muçulmano (Patrick Sabongui de “Godzilla”) planeja uma vingança em solo americano que envolve um controlador de Drones da CIA, Neil (Sean Bean de “Perdido em Marte”). Só que Neil anda passando por vários problemas familiares após a morte do pai.

E como esses dois aspectos da trama se encontram depois que o público fica meia hora um tanto perdido é que talvez frustre alguns. Ou porque muita gente vai achando estar de cara com um filme de ação ou suspense, mas é mais um drama. Não deveria. Mesmo quando a trama ainda está se montando, há mensagens importantes e, talvez uma das principais é a diferença como a violência é tratada pelos EUA de acordo seu contexto em três situações diferentes: quando os próprios americanos cometem atos de violência em seu solo, quando o cometem em solo estrangeiro para combater o terrorismo, e quando estrangeiros (os “terroristas”) cometem atos de violência em solo americano.

Logo no início há uma cena emblemática que, por ser rápida pode passar despercebida, quando Neil deixa seu filho no colégio que acabara de ser vítima de um tiroteio por um aluno, mas acaba contemporizando o fato. Da mesma forma, a violência americana no estrangeiro e tratada como mero efeito colateral, enquanto uma ameaça estrangeira é tratada com a truculência típica que as agências de inteligência fazem por lá. O próprio Neil no desfecho é visto como um personagem dúbio por conta da jornada que passa a partir da metade do filme.

A condução dessa última metade também deve provocar discussões, pois cria uma tensão crescente, mas através de palavras e não de cenas de ação chocantes e tem seu ápice num confronto belo de se filmar justamente pela simplicidade e crueza (como a vida é) sem nenhum tipo de glamourização hollywoodiana.

Longe de mim dizer que quem não gostou de “Drone” é porque não entendeu, mas talvez tenha ido com a expectativa errada e ficou tão frustrado que pode ter perdido as profundas mensagens que um drama complexo conseguiu mostrar em tão pouco tempo.

Ficha Técnica

Elenco:
Sean Bean
Patrick Sabongui
Mary McCormack
Maxwell Haynes
Joel David Moore
Viv Leacock
Sharon Taylor
Bradley Stryker
Kirby Morrow
Kevin O’Grady
Tommy Europe

Direção:
Jason Bourque

Produção:
Sefton Fincham

Fotografia:
Graham Talbot
Nelson Talbot

Trilha Sonora:
Michael Neilson

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑