Ecos do Mal (“The Echo”, EUA, 2008)

Genre :

[youtube 0Ug9HZPQV0k]

Se tem uma coisa que o cinema oriental sabe é dar sustos. E os produtores de “O Grito” e “O Chamado“, derivados da terra do sol nascente construíram uma ótima máquina de fazer sustos com esse “Ecos do Mal“.

Jesse Bradford (“A Conquista da Honra“) é um ex-presidiário que é liberado na condicional e vai pro apartamento de sua mãe, a qual faleceu quando ele estava na cadeia. Ao chegar lá, num prédio antigo, percebe que sua mãe parece ter morrido em condições misteriosas e, enquanto tenta recomeçar a vida, inclusive engatar um antigo romance com sua ex-namorada (Amélia Warner de “Os Seis Signos da Luz“), estranhos acontecimentos se materializam, principalmente com uma família vizinha cuja mulher e filha parecem sofrer maus tratos do marido policial.

Essa produção tem dois pontos bastante positivos e um negativo: começando pelo que é bom, os sustos, feitos com toda meticulosidade que um diretor pode ter, aliado a colocar o espectador num ambiente claustrofóbico e tenso sem em momento algum passar a sensação de tédio por estar quase sempre no mesmo apartamento.

Outro ponto crucial é o comportamento do protagonista que foge dos extremos. O personagem de Bradford parece sempre estar calcado na realidade, pois ao contrário dos estereótipos do gênero, procura explicações em fenômenos conhecidos, usando a racionalidade, mas admitindo que há algo de muito errado. Enfim, ele interpretou com muita sensatez algo que o roteiro colocou com coerência. Ele não é um daqueles personagens que a platéia chama de idiota por não acreditar ou então acha que está sento atacado por fantasmas no primeiro barulho que escuta.

Por outro lado a uma questão que incomoda bastante, principalmente após o término: porque os espíritos matavam? Numa análise mais profunda, não há uma explicação consistente. Pode-se até pensar que eles faziam isso por engano se chegarmos às raias do cinismo. O desfecho é típico dos exemplares japoneses, onde uma história terrena deve ser resolvida, o que nós ocidentais ainda estamos começando a nos acostumar.

Não fosse esse incômodo detalhe, “Ecos do Mal” seria um terror para fazer frente com os melhores. Ainda assim, é recomendado e fica bem acima de média de muitas histórias de casa mal assombrada.

[rating:3.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Jesse Bradford
Amelia Warner
Iza Calzado
Kevin Durand
Pruitt Taylor Vince
Jamie Bloch

Direção:
Yam Laranas

Produção:
Doug Davison
Roy Lee
Tyler-Jane Mitchel
Shintaro Shimosawa
Will Wright

Fotografia:
Matthew Irving

Trilha Sonora:
Tomandandy

 

6 Comments

Leave us a comment

  • saullo
    on

    espero q esse nao seja mais um daqueles fimes onde o fantasma parece ter feito aplique e chapinha.
    nao sei pq orientais tem tanto medo de cabelo.
    vou dar uma olhada nesse filme.
    =)

  • silvio3611
    on

    acabei de assistir, sou fã do genero, achei um bom filme, apesar do final ser um pouquinho confuso, mas, de uma maneira geral, fiquei satisfeito com o que vi

  • saullo
    on

    pronto, assisti.
    cara, os sustos sao bem legais, mas achei tudo meio sem sentido, tipo…a mina vê a porcaria da pirralha em decomposiçao (parece o japrega do grito) e depois ainda fala p cara “ACHO que estou ouvindo coisas também) ¬¬
    o cara até q trabalhou legal. ele conseguiu mesmo passar aquela coisa de “q porra é essa q ta acontecendo aqui?”, mas a mina, tirando o espancamento, nao convenceu.
    o gordo ficou mais bonito na versao “pó de arroz”. nao entendi pq aquela galera ainda continuava lá. eu já teria saido correndo daquele predio há tempos.

    resumindo: filme teeeeeeenso p caraleo, muito mesmo. errou em algumas coisinhas como essas ae de cima, mas nada q atrapalhe muita coisa. vale uma conferida, vale muito mesmo assistir!!!

    =)

    ps: a mina espancada tem visao de raio X.

  • Paulo Henrick
    on

    Achei o filme muito bom, nem dá sono, é ótimo! Recomendo demásssssssss!

  • rafinha
    on

    aaah meww .. filmee q vc assiste e fica confuso … o final , o que dizer ? eu num seii kkk ¬¬
    Mas mesmo assim vale a pena assistir

  • n importa =)
    on

    CARA QUE PORRA DE FILME É ESSE?? TOTALMENTE CONFUSO… UMA MERDA!

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑