Invictus (EUA, 2009) ***NOS CINEMAS***

Genre : ,

Fazer um filme sobre Nelson Mandela – um assunto que, por incrível que pareça, Hollywood ainda não conseguiu saturar – e ainda colocar Morgan Freeman (“Jogos Entre Ladrões“) no papel principal com Clint Eastwood (“Grand Torino“) na direção não dá muita margem de erro.

Recém eleito presidente, Mandela percebe algo que muita gente até hoje não vê: o fim do Apartheid como uma forma de vingança dos negros com seus antigos opressores brancos; uma espécie de racismo invertido por conta de tantos anos em que o povo nativo da África do Sul foi subjugado. Ele teve a visão que o esporte poderia uní-los, porém seu principal time de rugby estava decadente e pra piorar, suas cores e hino remetiam ao regime do Apartheid. Numa decisão inédita, ele foi contra seu conselho esportivo, manteve o formato do time e se aproximou de seu técnico Francois Pienaar (Matt Damon de “Os Infiltrados“).

Para não ser um filme de único tema, o diretor tomou a decisão acertada de mostrar outras facetas da vida do presidente, dando um destaque acessório a sua vida pessoal, bem como determinados escopos políticos no que tange a captação de investimento estrangeiro e credibilidade do novo regime. Freeman e Damon estão corretos, mas como se provou, não eram marcantes o suficiente para um Oscar. Freeman como sempre dando sua credencial a um papel que parece ter sido feito pra ele, tanto em termos de atuação quando na semelhança física.

De pontos negativos, temos algumas partes claramente manipuladoras salpicadas de pesados clichês do gênero e, em particular uma cena de uma falsa ameaça, nada orgânico na fluidez da trama.

A reconstituição de época e fotografia, bem como uma trilha carismática feita pelo filho de Clint Eastwood coroam uma produção que, mesmo não sendo o melhor do diretor, consegue prender a atenção do espectador sem ser pedante, com bons toques de humor, mas sem tirar a seriedade do tema. Com “Invictus“, Eastwood marca mais um ponto em sua carreira.

[rating:3.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Morgan Freeman
Matt Damon
Tony Kgoroge
Patrick Mofokeng
Matt Stern
Julian Lewis Jones

Direção:
Clint Eastwood

Produção:
Clint Eastwood
Robert Lorenz
Lori McCreary
Mace Neufeld

Fotografia:
Tom Stern

Trilha Sonora:
Kyle Eastwood
Michael Stevens

 

1 Comment

Leave us a comment

  • Alceu Matera
    on

    Se você é do tipo que odeia esportes e não tem paciência para assistir cenas de rúgbi,, melhor não levar o filme para casa. Mas se você é fã de uma história que aborda a nobreza de sentimentos, a inteligência emocional e de como isso pode influir positivamente na política pessoal e social, corra lá, pegue o filme e veja, porque vai sentir que a primeira parte do filme compensa, e muito, a segunda.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑