Midway – Batalha em Alto-Mar (“Midway”)

Só pra contextualizar – coisa que o filme faz bem – após a Batalha de Pearl Harbor onde o Japão Atacou a base americana no Havaí, os EUA entram oficialmente na 2ª Guerra Mundial e a primeira retaliação que fazem é conhecida como a Batalha de Midway.

Toda guerra é uma bagunça e a produção dirigida por Roland Emmerich, que adora fazer filmes épicos com ação desenfreada como “Independence Day”, exprime perfeitamente essa entropia para o melhor e o pior. Uma quantidade imensa de personagens em várias tramas paralelas que nem sempre vão convergir no final, mas que são todos braços que envolveram essa batalha, a qual na verdade foi um conjunto de pequenas batalhas com a derradeira enviando uma forte mensagem para o Japão que os EUA entraram para ganhar.

Cada segmento tem seu(s) protagonista(s). O principal, da batalha que leva o nome do filme conta com Ed Skrein de “Malévola: A Dona do Mal” na ação e Patrick Wilson de “A Eterna Namorada” como o cérebro, mas também abraçados por um grande elenco. E até tramas bem menos relevantes tem seus astros, como o segmento do submarino com Dennis Quaid de “Conspiração e Poder” ou o fraquíssimo segmento dos paraquedistas no Japão com Aaron Eckhart de “Coragem em Campo”.

Só que, como já citado, mais do que relevância pura e simples, o diretor quis dar ao espectador a mais completa dimensão possível de todos os lados da guerra, chegando a até mesmo dar personalidades mais complexas aos japoneses que poderiam muito bem ser estereotipados como simples vilões. É confuso, mas satisfaz e ao fim ainda há comentários sobre o destino de cada personagem que foi real e participou da guerra, o que deixa a narrativa ainda mais rica. Não só isso, muitos dos eventos das batalhas e das dinâmicas entre os personagens tiveram acuracidade histórica e exprimem praticamente a realidade.

Com ótimos efeitos especiais, a obra coloca muitas vezes o público no meio da batalha, em especial nas sequencias aéreas ou nos mergulhos para atingir os porta aviões. Destaque para o roteiro que, bem escrito mesmo com tantas tramas, encontra tempo para mostrar até mesmo os erros estratégicos e táticos que ambas as forças armadas dos dois países cometem.

Midway” é uma aventura esquecível em médio prazo, mas eletrizante e com um ótimo contexto histórico. Para ver, curtir e aprender.

Curiosidades:

– No último ato, quatro navios japoneses são afundados. Dois desses navios só tiveram suas carcaças descobertas no fundo do mar, 1 mês antes do lançamento do filme.
– A cena em que John Ford, diretor de cinema, filma no meio de uma batalha, existe de verdade e está no documentário “A Batalha de Midway” feito em 1942.

Ficha Técnica

Elenco:
Ed Skrein
Patrick Wilson
Woody Harrelson
Luke Evans
Mandy Moore
Luke Kleintank
Dennis Quaid
Aaron Eckhart
Keean Johnson
Nick Jonas
Etsushi Toyokawa
Tadanobu Asano
Darren Criss
Brandon Sklenar
Jake Manley

Direção:
Roland Emmerich

Produção:
Roland Emmerich
Harald Kloser

Fotografia:
Robby Baumgartner

Trilha Sonora:
Harald Kloser
Thomas Wanker

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑