O Chamado 3 (“Rings”)

Genre :
Actor : , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2017

Lá se vão quinze anos desde que Samara entrou pela primeira vez no imaginário do público. Em uma época onde o VHS já tina dado seus últimos passos e a era digital florescia vorazmente, fizeram a proeza de um terror que não fosse datado, mesmo que chupado do japonês “Ringu”. Houve um tropecinho três anos depois com a continuação dirigido pelo próprio criador japonês Hideo Nakata e agora finalmente Samara meio que abraça a transição do analógico para o digital sob nova direção. Apesar das ótimas sacadas e da premissa promissora, há mais tropeços do que acertos.

Sem Naomi Watts dos dois primeiros, a produção se volta para o público teen onde a jovem Júlia (a desconhecida Matilda Anna Ingrid Lutz de origem italiana) descobre que seu namorado é parte de numa experiência que visa prolongar os tentáculos de Samara arranjando seguidores, comandada pelo professor Gabriel (Johnny Galecki, o adorável Leonard da série “The Big Bang Theory”). Na tentativa de salvá-lo do destino imposto ao final de seus sete dias, ela assiste ao vídeo, só que algo diferente acontece e assim, ela tenta decifrar o mistério de Samara como ninguém antes tentou.

A primeira meia hora de filme é puro “O Chamado”, mas o restante poderia ser de qualquer suspense sobrenatural genérico que fora acoplado posteriormente. Mas isso nem é um demérito, pois o roteiro soube “colar” essas duas tramas de modo a fazer sentido. O problema está em vários outros lugares: um dos erros que essa continuação comete – diferente do primeiro – é confiar no suspense implícito sem a contrapartida em tensão, isto é, o terror não é explícito, mas a tensão que se tenta construir é falha. Logo na primeira cena, do avião, a intenção é ótima e no meio do desenvolvimento, a edição dilui toda a expectativa. E isso é repetido naqueles que seriam os melhores momentos em torno do filme.

Se por um lado o roteiro tem uma trama esperta, seu diretor comete o crime de sempre entregar os segredos com antecedência, ou ainda pior: mesmo depois de todo mundo já ter entendido o que está se passando, resolve explicar nas frases da própria protagonista como se o público fosse retardado.

Repito: a premissa é ótima, entretanto o desenvolvimento dela surge com uma série de inconsistências e algumas chegam a ser triviais. Podemos citar a cena em que o professor tem um segredo para contar que se resume em uma palavra, mas ao invés de falar pelo telefone, ele prefere viajar 400 km para chegar até Julia e seu namorado?! Pior é o desfecho que teima em ter a necessidade de acabar com um susto final, mesmo que este desconstrua tudo o que foi pavimentado por uma lógica mais ou menos coerente.

É sempre frustrante quando um filme como “O Chamado 3” tinha o potencial para ser um ótimo exemplar do gênero, fazer jus à trilogia, mas no final parece ligar o botão do “Dane-se” na cara do espectador.

Curiosidades:
– O título em inglês é “Rings”, porque dessa vez há mais um outro anel (Ring em inglês) visto no vídeo.
– O título em português também ia ser “Chamados”, análogo ao plural Rings (apesar de Ring significar anel). Mas pesquisas de mercado indicaram que a série ainda estava fortemente arraigada na cabeça do público e então preferiram colocar simplesmente como a continuação O Chamado 3 para continuar o vínculo.
– Se vocês acham que uma terceira parte é forçar a barra é porque não sabem que em 2016 foi lançado no Japão o filme “O Chamado Vs O Grito” (lembram de Fraddy Vs Jason ou Alien Vs Predador?) onde a Samara luta com Kayako enquanto os seres humanos vão morrendo. Olha só o pôster abaixo (cuja tradução literal seria Sarama Vs Kayako):

– A distribuidora lançou uma experiência em vídeo publicitário sobre o filme. Ficou muito bem feito e recomendo acessarem abaixo:

Ficha Técnica

Elenco:
Matilda Anna Ingrid Lutz
Alex Roe
Johnny Galecki
Vincent D’Onofrio
Aimee Teegarden
Bonnie Morgan
Chuck David Willis
Patrick R. Walker
Zach Roerig
Laura Wiggins
Lizzie Brocheré
Karen Ceesay

Direção:
F. Javier Gutiérrez

Produção:
Laurie MacDonald
Walter F. Parkes

Fotografia:
Sharone Meir

Trilha Sonora:
Matthew Margeson

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑