O Gênio e o Louco (“The Professor and the Madman”)

Baseado numa história real, dois artistas icônicos se encontram. Aliás, não só eles, como um pelotão de bons atores. Mel Gibson de “Pai em Dose Dupla 2” é o Professor James Murray que abraçou um desafio que em sua época – século XIX – seria hercúleo: compilar um dicionário com a etimologia de todas as palavras da língua inglesa, pois daria ainda mais força ao domínio britânico em suas colônias.

No momento mais difícil, ele e sua equipe recebem a inusitada ajuda de um preso acusado de assassinato, mas declarado insano: o Dr. William Minor, interpretado por Sean Penn de “O Franco Atirador”. Em sua loucura ele conseguiu estudar tantas palavras que foi responsável por boa parte das contribuições populares para o dicionário.

Só isso já daria um ótimo e peculiar filme, mas ainda há a subtrama da esposa do assassinado, Eliza (Natalie Dormer de “Na Escuridão”, mais conhecida por seu papel em “Game of Thrones”).

Dirigido pelo parceiro de Mel Gibson na produção de “Apocalipto”, Farhad Safinia, há um profundo lirismo que completa a vida dos dois protagonistas e cada um com suas augruras. Além das belíssimas atuações de ambos, o revezamento entre narrativas tão diferentes é suave e fluida a ponto de nem repararmos quando elas se tornam uma só.

Talvez o calo da história fique justamente por conta da subtrama com Eliza: ela não é essencial e, olhando em retrospecto não contribui com o resultado. Ou melhor, começa com relevância e quanto mais a perde, mais o diretor investe nela. Até que desiste.

Destaque para a fotografia de Kasper Tuxen (“Toda Forma de Amor”) e para a reconstituição de época com ótimos figurinos e cenografia.

O Gênio e o Louco” conta uma daquelas histórias peculiares que tiveram sorte de serem divulgadas por uma produção muito competente. Só faltou um filtro melhor do que fazer com suas duas horas de duração, pois poderia ser mais enxuto.

Curiosidades:

– Mais uma vez o sempre polêmico Mel Gibson arranja confusão. Sua produtora Icon Pictures foi proibida de fazer filmagens extras pela Voyage Pictures (dona dos direitos do filme) por conta do budget estourado e atrasos. Então Gibson e o diretor entraram na justiça, perderam e daí se recusaram a promover o filme. Inclusive a montagem final foi feito por um diretor substituto. Gibson ficou ainda mais chateado porque a idéia inicial de fazer o filme foi dele e ele vendeu os direitos que tinha da história há 17 anos para a Voyage Pictures.

Ficha Técnica

Elenco:
Mel Gibson
Sean Penn
Eddie Marsan
Natalie Dormer
Jennifer Ehle
Steve Coogan
Stephen Dillane
Ioan Gruffudd
Jeremy Irvine
Laurence Fox
Anthony Andrews
Lars Brygmann
Bryan Murray
David O’Hara
Sean Duggan

Direção:
Farhad Safinia

Produção:
Nicolas Chartier
Gastón Pavlovich

Fotografia:
Kasper Tuxen

Trilha Sonora:
Bear McCreary

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑