O Senhor dos Anéis – As Duas Torres (“The Lord of the Rings: The Two Towers”, EUA, 2002) ***VERSÃO ESTENDIDA***

Genre : ,

Dispensando apresentações, encontramos a sociedade do anel dividida: de um lado os hobbits Frodo (Elijah Wood de “Bobby“) e Sam (Sean Astin de “Click“) ganham a companhia de Gollum que promete levá-los até Mordor para destruir o anel; do outro Aragorn (Viggo Mortensen de “Senhores do Crime“), o anão Gimli (John Rhys-Davies de “Indiana Jones e a Última Cruzada”) e o elfo Legolas (Orlando Bloom de “Piratas do Caribe“) tentam defender o reino dos homens do ataque iminente das forças de Sauron e Saruman.

Mas o que nos interessa agora são as cenas extras. É lógico que a versão estendida torna a narrativa um pouco mais lenta, mas os fãs vão adorar. Inclusive por conta de duas seqüências de destaque: uma que dá a Barbávore (a voz é de John Rhys-Davies, o anão Gimli!) e os hobbits Merry (Dominic Monaghan da série “Lost“) e Pippin (Billy Boyd de “O Filho de Chucky“) muito mais cenas dando até mais sentido à odisséia dos nossos pequenos heróis, se bem que mais funciona como alívio cômico.

Agora, a outra é essencial por mostra, em flashback, o motivo que leva Boromir (Sean Bean de “Terror em Silent Hill”) a tentar roubar o anel de Frodo, através de um intrincado e dramático relacionamento com seu pai e irmão. Incrível como muita coisa da primeira parte passa a fazer sentido então. Além disso, temos pequenas cenas da jornada de Aragorn, Legolas e Gimli, com este último cheio de piadinhas (e logo se vê porque foram cortadas do original) e outras que desenvolvem com mais profundidade o relacionamento de Frodo e Gollum também explicando determinadas decisões que o hobbit toma que desagrada seu companheiro Sam.

Para aqueles que acharam As Duas Torres longo demais, esta nova versão é dispensável. Para os fãs, com certeza é imperdível.

[rating:4.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Elijah Wood
Ian McKellen
Viggo Mortensen
Sean Astin
Billy Boyd
Liv Tyler
John Rhys-Davies
Dominic Monaghan
Christopher Lee
Miranda Otto
Brad Dourif
Orlando Bloom
Cate Blanchett
Karl Urban
Bernard Hill
David Wenham
Andy Serkis
Sean Bean
Hugo Weaving

Direção:
Peter Jackson

Produção:
Peter Jackson
Barrie M. Osborne
Frances Walsh

Fotografia:
Andrew Lesnie

Trilha Sonora:
Howard Shore

 

2 Comments

Leave us a comment

  • Jazz
    on

    ARGHHHHHHHHHHHHHHHHHHH… imagina… versão estendida do que já é longo. Antes de ver, já cansei 😉

    Dormi nas três versões micro, imagine na estendida…

  • Clayton Nogueira
    on

    Obrigado pelo e-mail carinhoso, é sempre um prazer comentar aqui e compartilhar opiniões sobre a mesa paixão, a sétima arte.
    O que é o Senhor dos Anéis? Para muitos um clássico desde o cartaz no cinema no dia da estréia, para outros uma chatice longa de história difícil em meio a linguagem rebuscada.
    Procuro analisar e vê-lo do ponto mais justo, uma saga dividia em três partes, onde uma dará sentido a outras e juntas contarão de modo épico mais uma (bem desenvolvida) versão do bem contra o mal. E justamente aqui podemos compará-lo a outro grande sucesso da época, MATRIX. Enquanto o Senhor… evoluía parte a parte, tonando-nos cada vez mais participativos e curiosos frente a sua narrativa, o filme que catapultou Reeves ao milhão de dólares migrava da excelente idéia da primeira película, para a mesma classe comercial em que a maioria dos caça-níqueis se fazem presentes. Com muita boa vontade conseguimos tirar alguma coisa de MATRIX RELOADED e esquecer REVOLUTIONS.
    Já a saga dos Hobbits nos faz por vezes imaginar que tudo relamente aconteceu em nosso período conhecido como idade média, até que aparece o THE END e nos faz acordar, e felizmente perceber que o grande herói do filme, não foi o Rei que lutou contra muitos, e sim, o Hobbit, que lutou contra si mesmo.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑