Pânico na Floresta 3 (“Wrong Turn 3: Left for Dead”, EUA, 2009) ***INÉDITO NO BRASIL***

Genre :

[youtube FictxrM5q7c]

Uma lição aprendemos com esse filmeco: nunca foi tão fácil fazer uma boa maquiagem para filme de terror. Quando vimos a primeira parte, apesar de ser mais do mesmo, estávamos diante de algo que provocava verdadeira tensão. Nada demais, mas ainda sim, ancorou nas telas de cinema de 2003. Na segunda parte – chamada no Brasil erroneamente de “Floresta do Mal” – descobrimos que não eram só três mutantes, mas sim uma família inteira. Com doses ótimas de suspense e surpreendentes efeitos especiais, conseguiu cumprir seu papel de slasher movie em 2007 até melhor que o original, mesmo saindo por aqui somente em DVD.

Daí pegaram um roteiro no lixo e fizeram essa terceira parte. Presidiários são transferidos e no meio do caminho são atacados pelos canibais de três dedos. Por sinal, eles parecem agir descaradamente sem o mínimo conhecimento da polícia, o que já seria um absurdo. O que se segue são mortes violentas e algumas até bem feitas. Mas imaginem o pior elenco da face da Terra, como se tivessem clonado o personagem do Cigano Igor da novela Explode Coração e adicionado uma pitada de Malhação no casting. Imaginem também uma história tão abobalhada, capaz de “esquecer” determinados personagens e perder a noção de tempo e espaço, como um caminhão percorrer vários quilômetros em alta velocidade e, em segundos, ser alcançado por alguém a pé na floresta. Junte a isso todos os piores clichês do gênero, como na cena em que, pra variar, os heróis não se certificam se o mutante está mesmo morto. Aliás, sabíamos que ele era um mutante, mas não que ele tinha parentesco com o Jason de “Sexta-Feira 13“.

A única coisa que deve agradar apenas aos aficionados pelo gênero é a razoável maquiagem que provocam boas cenas gore. Mas só. Até porque os demais efeitos especiais são constrangedores, como o helicóptero de brinquedo que (ainda bem) aparece rapidamente. Se há algo para esquecer, chama-se “Pânico na Floresta 3“. É uma questão de encarar essas mal traçadas linhas, mais como um aviso do que como uma resenha.

[rating:0.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Tamer Hassan
Gil Kolirin
Borislav Illiev
Tom Frederic
Janet Montgomery
Tom McKay

Direção:
Declan O’Brien

Produção:
Jeffrey Beach
Phillip Roth

Fotografia:
Lorenzo Senatore

Trilha Sonora:
Claude Foisy

 

6 Comments

Leave us a comment

  • indyana
    on

    Concordo plenamente….um dos piores filmes q ja vi

  • saullo
    on

    pow, acho q esse filme é o tipo q nao é p ser levado a serio, é aquele onde vc precisa desligar o cerebro p poder assitir tendo um pouco de diversao.
    toda a historia é uma porcaria, os atores também, mas uma coisa nós precisamos considerar, os caras tiveram muita criatividade na hora das mortes.
    filme tosco feito p rir.
    =)

  • silvio3611
    on

    o primeiro foi bom, e só … o segundo foi trash em elevadíssimas doses e o terceiro ainda não vi, pq qd baixei estava com o audio atrasado, mas pelas críticas e tendo em vista o q foi o segundo, acho q passo

  • adiopipio
    on

    esse filme foi simplesmente uma desgrassa,o piro filme q ja fizeram.o autor desse filme deve ser um retardado ou um frustado……

  • Pedro Daniel
    on

    OS UNICOS QUE GOSTEI MESMO FOI O 1 E O 2 FILME O RESTO É SÓ OS EFEITOS GORE QUE ACHEI LEGAL ,A CONSTANTIN FILM PLANEJA UM REMAKE ,ESPERO QUE FAÇAM ,VAI SER COM O CRIADOR DO ORIGINAL Alan mceroy e vai estar sob a direção de mike p nelsol .

  • Jason
    on

    O melhor é o segundo!

Leave a Reply to saullo Cancel Reply

↑ BACK TO THE TOP ↑