Rambo: Até o Fim (“Rambo: Last Blood”)

Genre :
Actor : , , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2019

Muitos perguntaram se mais um filme da franquia Rambo era necessário, com Stallone já nos seus 73 anos (em melhor forma do que eu, 30 anos mais jovem, diga-se de passagem), mas poucos se perguntaram se o filme em si é bom. Vamos tentar responder a ambas as perguntas.

A resposta da primeira pergunta é um óbvio não. Nem Rambo 4 foi necessário, além de ser pra lá de mediano, mas pelo menos ao fim, ele havia dado o descanso merecido ao nosso herói. Nessa – até então – última parte se faz o inverso e nem se fecha direito o arco de história do protagonista, além de perturbarem a paz que ele tanto almejou.

Agora como filme solo funciona até que muito bem. Copiaram parte do roteiro do filme “Linha de Frente” com Jason Statham para mostrar Rambo, pela primeira vez de cabelos curtos, descansando em sua fazenda, quando sua sobrinha é raptada por traficantes mexicanos e daí ele vai em busca de vingança e da cabeça dos mandantes.

Dirigido por Adrian Grunberg (“Plano de Fuga”), a produção se afasta do épico de guerras, pega uma premissa mais generalista de ação, tem até o seu momento “Esqueceram de Mim” para adultos no seu último ato, mas conta com duas grandes sacadas: a primeira é a aura heroica de Rambo, o eu é mérito da construção do personagem ao longo dessas décadas e que inclusive tem uma bela homenagem em seu desfecho.

A segunda é que o filme não perdoa ninguém e tem tripas e sangue como nenhum outro. Rambo faz questão de triturar seus inimigos da pior forma e a câmera junto com efeitos especiais e maquiagem excelentes, dá os melhores enquadramentos para mostrar a violência explícita e deliciosamente apelativa e gratuita pela qual os fãs estão loucos para ver. Esse sim é o Rambo raiz que a gente gosta e ele faz questão de mostrar isso em cada cena de violência, além de Stallone não ter mudado em nada seu jeito de atuar, o que dessa vez ajuda a entrar mais fácil no personagem.

Num balanço geral, “Rambo: Até o Fim” é, ao mesmo tempo, desnecessário, mas imperdível para os fãs da franquia ou pra quem busca um filme de ação sem papas na língua. Ah, vejam as cenas pós créditos, pois a homenagem à franquia também esconde um segredo no final.

Curiosidades:

– Primeiro filme da franquia onde o personagem do Coronel Trautman (mentor de Rambo) não aparece e nem sequer é mencionado. O personagem que o interpretada, Richard Crenna, faleceu pouco antes das filmagens de Rambo IV, mas ainda assim o filme utilizou imagens de arquivo.
– Sobre o filme ter sido parcialmente copiado do roteiro de “Linha de Frente”: na verdade, o roteiro original era de “Rambo IV”, o qual foi descartado pelo roteiro que acabou sendo filmado e daí “Linha de Frente” o aproveitou. Então Rambo retomou aquele roteiro para fazer esta produção.
– Filme mais curto da franquia com 89 minutos.
– Há uma cena no início em que Rambo salva duas pessoas de uma enchente. Em alguns países ela foi cortada. (Por acaso assisti em Israel e ela estava lá)

Ficha Técnica

Elenco:
Sylvester Stallone
Paz Vega
Yvette Monreal
Sheila Shah
Óscar Jaenada
Louis Mandylor
Joaquín Cosio
Sergio Peris-Mencheta
Jessica Madsen
Adriana Barraza
Díana Bermudez
Fenessa Pineda

Direção:
Adrian Grunberg

Produção:
Avi Lerner
Yariv Lerner
Steven Paul
Kevin King Templeton
Les Weldon

Fotografia:
Brendan Galvin

Trilha Sonora:
Brian Tyler

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑