Sombras Da Vida (“A Ghost Story”)

Genre :
Actor : ,
Director :
Country :
Release Date : 2017

David Lowery de “Meu Amigo, O Dragão” fez um filme com uma estética parada que de cara vai desagradar o público mais comercial ou mainstream como diz o jargão. E quem se encaixa nessa categoria (não é mal nenhum) pode parar aqui. Só que “Sombras da Vida” é um lindo filme que fala sobre as coisas atemporais da vida, como ela própria quando transcede.

Quando o personagem de Casey Affleck (“Manchester à Beira Mar”) morre, sua esposa (Rooney Mara de “A Carta Secreta”) passa um bom tempo inconsolável. Só que, a partir daí o mundo é visto através dos olhos do fantasma do protagonista.

O carisma está no design do fantasma que retoma a origem literária do sei conceito: alguém com um lençol. E a roupa denota uma certa tristeza e ao mesmo tempo uma conformação em sua condição de estar vagando, voltar para a casa e observar sua esposa e, como o tempo passa de forma diferente, ver um futuro (e um passado) em que se é esquecido.

A narrativa é feita com a câmera parada ou se movendo lentamente para mostrar complementos de cena importantes, como por exemplo, o dia do acidente que mata o protagonista; ou quando depois de algum tempo em cena que percebemos a personagem de Mara se mudando de casa. Ao mesmo tempo que há um senso de arte irrepreensível, o excesso e contemplação estabelece um ritmo mais lento, enquanto a música do parceiro em filmes do diretor, Daniel Hart, é um tanto irregular nos dois primeiros atos, mas primorosa no último ato.

Todo o desenvolvimento da linha temporal mostra a passividade e – em raros momentos – a atividade do fantasma ou dessa espécie fantasma e qual o propósito que os move. Aliás, tempo e propósito são as palavras chave do roteiro, pois um termina no outro e vice-versa. Tanto que o desfecho abrupto é exatamente onde essas palavras se encontram sem necessariamente uma redenção ou um significado mais épico ou emocional, o que dá um tom de triste realidade, mas ao mesmo tempo, uma compreensão do mundo através do nosso protagonista.

Sombras da Vida” é um belíssimo e triste filme em ritmo lento que precisa ser mais contemplado do que visto, mas uma vez entendida a sua essência, haverá muito do que se lembrar e filosofar.

Curiosidades:

– Na cena em que Rooney Mara come uma torta, ela pediu uma receita fitness, só que o gosto ficou horrível em sua opinião, apesar do diretor ter adorado. Ela passa 4 minutos ininterruptos comendo. Detalhe: ela nunca tinha comido uma torta antes.
– O cenário de “Sombras da Vida” foi feito quase que inteiro atrás do cenário do filme anterior do diretor “Meu Amigo, o Dragão”.
– O diretor faz uma ponta como o fantasma da casa vizinha.
– A música da cena da festa é da cantora Ke$ha que também faz uma ponta como convidada.
– A nona sinfonia de Beethoven é tema de discussão na cena da festa e toca discretamente em vários momentos do filme.
– A música que a garotinha camponesa geme passeando é a mesma música que o personagem de Casey Affleck compõe no filme.

Ficha Técnica

Elenco:
Casey Affleck
Rooney Mara
McColm Cephas Jr.
Kenneisha Thompson
Grover Coulson
Liz Cardenas
Barlow Jacobs
Richard Krause
Dagger Salazar
Sonia Acevedo
Carlos Bermudez
Yasmina Gutierrez
Kimberly Fiddes
Daniel Escudero
Kesha

Direção:
David Lowery

Produção:
Adam Donaghey
Toby Halbrooks
James M. Johnston

Fotografia:
Andrew Droz Palermo

Trilha Sonora:
Daniel Hart

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑