Trabalho Sujo (“Sunshine Cleaning”, EUA, 2009)

Genre : ,

Baseado numa história real, o filme conta a história de duas irmãs, Rose e Norah (Amy Adams de “O Vencedor” e Emily Blunt de “Agentes do Destino” respectivamente). Como elas não têm um rumo certo na vida, decidem mesmo sem experiência alguma, abrir uma empresa de serviços responsável por limpar cenas de crimes, principalmente dos restos mortais.

Lógico que isso abriria um leque de situações cômicas. Mas os produtores, os mesmos do maravilhoso “A Pequena Miss Sunshine”, preferiram focar no drama – leve, diga-se de passagem – das irmãs em sua jornada de auto aceitação (no caso de Rose) e auto descobrimento (Norah). Enquanto Rose é assombrada por ter sido a menos bem sucedida de sua turma escolar e ter um caso com o marido de uma ex-colega, Norah simplesmente não se achou na vida e percebe tardiamente sua sexualidade.

O maior destaque vai mesmo para a química do elenco, tanto pela dupla de protagonistas quanto por Alan Arkin, que também trabalhou em “A Pequena Miss Sunshine”, interpretando o pai delas, uma espécie de alívio levemente cômico da trama. Apesar de um roteiro atraente, a direção de Christine Jeffs, cujo último trabalho foi Sylvia – Paixão Além das Palavras de 2003, acabou sendo bastante burocrática, levando a história no piloto automático e contando unicamente com o carisma do elenco que se vira como pode.

Trabalho Sujo” é uma produção independente que bebe da água de um ótimo roteiro, porém fica prejudicado pela direção. Ainda assim é recomendado pela dinâmica dos personagens e por um desfecho realista que não renega o sentimento.
[rating:3]

Ficha Técnica

Elenco:
Amy Adams
Emily Blunt
Alan Arkin
Steve Zahn
Jason Spevack
Mary Lynn Rajskub
Clifton Collins Jr.
Eric Christian Olsen
Paul Dooley
Kevin Chapman

Direção:
Christine Jeffs

Produção:
Jeb Brody
Peter Saraf
Marc Turteltaub
Glenn Williamson

Fotografia:
John Toon

Trilha Sonora:
Michael Penn

 

1 Comment

Leave us a comment

  • silvio3611
    on

    é um daqueles filmes q vc esquece sobre o q era no dia seguinte ao dia em q vc o assistiu

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑