Trapaça (“American Hustle”)

Genre : ,
Actor : , , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2013

O diretor David O. Russell reúne o elenco com quem trabalhou em “O Vencedor” e “O Lado Bom da Vida” para uma comédia bem diferente que só com uma execução artística afinada e uma atuação no mínimo exuberante conseguiria o feito de ser indicada ao Oscar. Tanto que para alguns “Trapaça” está sendo considerado como o filme em que várias estrelas de Hollywood aparecem totalmente diferente. Lógico que grande parte se deve ao figurino ambientado nos exagerados anos 70, mas não seria possível sem o talento e carisma dos atores.

Levemente inspirada em fatos reais, a obra conta a história do vigarista Irving (Christian Bale) que com sua amante Sydney (Amy Adams) ganha dinheiro com empréstimos fraudulentos até esta última ser presa pelo agente do Richie (Bradley Cooper). Para saírem livres, eles devem entregar outros estelionatários através de esquemas junto ao FBI, mas acabam entrando numa conspiração que envolve políticos e a máfia.

Não é um filme tão fácil de acompanhar, até porque o diretor acertadamente não explica como funciona as mamatas e só aqueles com um pouco de conhecimento sobre o assunto vão se familiarizar melhor, além do fato de que a quantidade de informações é extensa, seja sobre o relacionamento entre os protagonistas, seja sobre o mecanismo dos planos que, muitas vezes, só são revelados depois de executados. Mesmo assim, o diretor dispõe de maestria no timing, mesmo no primeiro ato quando ele revela o casamento de Inrving e Rosalyn (Jennifer Lawrence) após uma introdução do amor entre ele e Sydney.

O trio Bale, Adams e Lawrence estão excepcionais em suas caracterizações, principalmente Jennifer Lawrence com uma veia cômica perfeita e, até mesmo costumazes canastrões como Bradley Cooper e Jeremy Renner (que interpreta o prefeito) estão muito bem em seus papéis, além do já citado excelente trabalho de figurino e maquiagem que os tornam irreconhecíveis. Destaque para a participação de Robert De Niro repetindo, mas nunca à exaustão seu tipo mafioso. Aliás, de certa forma, o filme é como se Martin Scorcese (que nada tem a ver com a produção) quisesse fazer uma comédia artística de seus próprios filmes de máfia.

Outra escolha acertada foi a trilha sonora do ex Oingo Boingo Danny Elfman de “Hitchcock” que também já trabalhou com o diretor em “O Lado Bom da Vida”. Ela soa propositalmente destoante ou incidental que funciona tanto como artifício cômico (a cena em que Irving dentro do carro da máfia enquanto Rosalyn canta Live and Let Die em casa é emblemática), quanto para propósitos dramáticos. Para isso escolheram as músicas irresistíveis de Duke Ellington, Frank Sinatra, Chicago, Elton John, chegando nos clássicos da disco music como The Bee Gees e da saudosa Donna Summer.

O grande trunfo de “Trapaça” é fazer a platéia cair na risada ao mesmo tempo em que nunca deixa de se preocupar com seus personagens e jamais diluindo a seriedade da situação em que se encontram. Isso é arte.

Ficha Técnica

Elenco:
Christian Bale
Bradley Cooper
Amy Adams
Jeremy Renner
Jennifer Lawrence
Louis C.K.
Jack Huston
Michael Peña
Shea Whigham
Alessandro Nivola
Elisabeth Röhm
Paul Herman

Direção:
David O. Russell

Produção:
Megan Ellison
Jonathan Gordon
Charles Roven
Richard Suckle

Fotografia:
Linus Sandgren

Trilha Sonora:
Danny Elfman

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑