Um Limite Entre Nós (“Fences”)

Genre :
Actor : ,
Director :
Country :
Release Date : 2016

Uma das melhores aulas de teatro que você terá. Uma belíssima aula de interpretação. Tanto que talvez descubram que existe vida fora da terra antes de descobrirem porque Denzel Washington não levou o Oscar 2017 de melhor ator pela sua visceral atuação (quem ganhou foi o insosso Casey Affleck). Da mesma forma Viola Davis “só” ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante quando claramente tinha chances no prêmio de melhor atriz (probabilidade menor, mas tinha).

O filme é baseado na peça homônima escrita pelo já falecido August Wilson que estreou na Broadway em 1987 e depois foi refeita em 2010 pelos próprios Washington e Davis, os quais já se apresentaram 114 vezes com casa lotada sempre. Aliás todos os atores adultos da peça são os mesmos no filme. Inclusive ambas as edições da peça – a primeira em 1987 e o revival em 2010 – ganharam o Tony Awards, o Oscar do teatro.

A dupla principal forma o casal Troy e Rose que na década de 50 tentam criar os filhos, mas passando por uma série de atritos e desavenças que pode minar o ambiente familiar. Como peça teatral que é, a produção conta com pouquíssimos cenários – 95% das cenas na casa ou no quintal – e fica totalmente nos diálogos e personagens.

Dirigido pelo próprio Washington, ele arrasa junto com o elenco num bate-rebate de frases ritmadas como no teatro e com expressões tão naturais e emocionantes que é impossível não se envolver, seja no amor, seja na dor. O próprio tema da construção da cerca (o título original) é uma inteligente anatomia sobre quem queremos fora da nossa vida e quem queremos dentro.

É claro que os espectadores mais voltados à diversão comercial não vão simpatizar com a produção, já que ela tem ação zero, na acepção de dinâmica física. Por outro lado, a dinâmica emocional de um pai e marido amargurado numa época em que ser negro e ter responsabilidades com a família poderia ser sufocante e uma esposa que se anula todos os dias para manter a casa unida, não só tem um contexto realista e edificante, como também é tema atual e recorrente nas relações humanas.

Seu desfecho não poderia ser mais encantador e prova que se uma imagem vale por mil palavras, uma imagem com palavras vale por mil emoções.

Ficha Técnica

Elenco:
Denzel Washington
Viola Davis
Stephen Henderson
Jovan Adepo
Russell Hornsby
Mykelti Williamson
Saniyya Sidney

Direção:
Denzel Washington

Produção:
Todd Black
Denzel Washington

Fotografia:
Charlotte Bruus Christensen

Trilha Sonora:
Marcelo Zarvos

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑