Velozes & Furiosos: Hobbs & Shaw (“Fast & Furious Presents: Hobbs & Shaw”)

Esse é aquele tipo de filme que amamos odiar. Uma trama altamente genérica que poderia caber em qualquer produção do subgênero da comédia “dupla de policiais que se odeia e se ama” e que foi simplesmente adaptada para o universo da franquia “Velozes & Furiosos”. Aliás com exceção dos protagonistas e a citação de um ou dois personagens coadjuvantes da franquia (o Sr. Ninguém falado rapidamente e a aparição da mãe de Shawn), não há nenhuma participação ou referência sequer à “família” de Dominic Toretto. Provavelmente por algum recurso contratual.

Hobbs e Shaw se unem a contragosto para resgatar a irmã de Shaw, Hattie (Vanessa Kirby de “Missão Impossível – Efeito Fallout”) e deter o vilão geneticamente alterado Brixton (Idris Elba de “Atentado em París”) antes que ele pegue e dissemine um vírus mortal no mundo.

Se a franquia cada vez mais pende para o lado do humor, esse spin-off é praticamente uma comédia rasgada, tirando qualquer traço de seriedade e preocupação com os personagens. Ainda mais com cenas de ação que desafiam qualquer lei da natureza, onde quedas, tiros, porradas e bombas apenas são deixas para os personagens brincarem entre si. Assim, nada no filme se leva a sério, tem os piores clichês do gênero e um desfecho mais que previsível. Claro que a maior mentira da franquia, inclusive desse spin-off foi Show ter virado mocinho depois dos acontecimentos de “Velozes & Furiosos 7”.

Entretanto, o filme é deliciosamente ruim, mas é um dos raros casos em que o “delicioso” se equilibra com o ruim. As piadas, mesmo que fora de hora são ótimas, a química de Dwayne Johnson com Jason Statham é inegável e ainda há participações super especiais de comediantes (surpresa!) que encarnam um trabalho sensacional no pouco tempo que aparecem. O diretor David Leitch de “Deadpool 2” garantiu o melhor senso de humor possível.

O espectador que tem uma veia mais comercial vai sair satisfeito, até com as hilárias cenas pós créditos (tem mais de uma, inclusive no finalzinho). “Velozes & Furiosos: Hobbs & Shaw” é um caça níqueis como vem sendo a própria franquia, sem uma história consistente, mas com o diferencial do carisma do elenco e de não se levar a sério. Traz boas e verdadeiras risadas.

Curiosidades:

– A idéia de se fazer esse spin off veio dos produtores da franquia quando perceberam a química dos dois atores durante as filmagens de “Velozes & Furiosos 8”.
Isso deixou Vin Diesel com ciúmes. E como ele era o produtor executivo do outro filme, faz o possível para cortar o máximo das cenas de Dwane Johnson e, toda vez que tinha filmagens com ele, Diesel atrasava ou até mesmo faltava, o que fez com que rolasse uma treta entre os dois nesse período.
– Outra treta foi com Tyrese Gibson que chorou nas redes sociais por não ter sido chamado para esse filme, já que ele também participa da franquia.
– Joe Anoa’i, campeão de luta livre (WWE) interpreta um dos irmãos de Hobbs. Na verdade ele é o primo de Dwayne Johnson.
– Quando Shaw (Jason Statham) mostra sua coleção de carros, há um pequenininho em que ele diz que foi quando ele fez um trabalho na Itália. É uma referência ao filme que ele fez chamado “Uma Saída de Mestre” em 2003, cuja tradução literal seria Trabalho Italiano, onde ele usa o mesmo carro.
– A roupa de Brixton, o vilão, tem a logomarca da Weyland Industries. Sabe que empresa é essa? É a mesma por trás de toda a trama das franquias “Alien” e “Prometheus” (que basicamente são a mesma franquia)!!! Detalhe, o ator Idris Elba também trabalhou em “Prometheus”.
– Existe um curta metragem de Jurassic World com uma história inédita que iria ser exibida antes desse filme nos cinemas, mas retiraram para ser exibido em algum ponto do futuro.
– Idris Elba canta uma das músicas do filme. Ele já fez o mesmo em “Atentado em Paris”.

Ficha Técnica

Elenco:
Dwayne Johnson
Jason Statham
Idris Elba
Vanessa Kirby
Helen Mirren
Eiza González
Eddie Marsan
Eliana Sua
Cliff Curtis
Lori Pelenise Tuisano
John Tui
Joshua Mauga
Joe Anoa’i
Rob Delaney

Direção:
David Leitch

Produção:
Hiram Garcia
Dwayne Johnson
Chris Morgan
Jason Statham

Fotografia:
Jonathan Sela

Trilha Sonora:
Tyler Bates

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑