A Era da Estupidez (“The Age of Stupid”, Inglaterra, 2009)

Genre : ,

Nunca é demais falar dos estragos que o ser humano anda fazendo na Terra e nas possíveis conseqüências para humanidade. O problema é quando se é chato. E é exatamente esse mal que acomete este documentário inglês.

Começando como seria o planeta em 2055, mas usando efeitos especiais da década de 80, eis que aparece o ator Pete Postlethwaite (“Fúria de Titãs“) num reservatório onde supostamente todas as grandes obras dos grandes artistas ficariam estocadas e, conversando com a câmera e usando uma tela que tenta misturar i.Phone com “Minority Report“, pega cenas como no YouTube que na verdade são reportagens feitas em 2007 sobre os estragos na natureza.

A parte em que o protagonista interage é simplesmente um porre. Às vezes o espectador ainda tem que agüentar por muitos segundos o ator “procurando” a cena que ele quer como se essa ação fosse o supra-sumo dos efeitos especiais. Todo o conteúdo é lugar comum: de um lado temos desastres como o furacão Katrina ou o derretimento das geleiras, cujas cenas podem ser encontradas em qualquer rede social de vídeos, do outro temos a parte do capitalismo selvagem que é omisso à situação e contribui com o futuro negro.

E assim vão os 90 minutos com interrupções desinteressantes da impostada voz de Postlethwaite, apenas para voltar a histórias que já foram contadas e que provavelmente por falta de budget, tiveram que se alongar. Talvez faça mais sentido se fosse exibido em partes como num documentário da BBC. Mas ter que assistir “A Era da Estupidez” de uma só vez é tão traumatizante que vai levar o público a realmente contribuir com a natureza só para não fazerem outra produção assim. De repente a idéia é essa.

[rating:1]


Ficha Técnica

Elenco:
Pete Postlethwaite

Direção:
AdFranny Armstrong

Produção:
Paul Eedle
Lizzie Gillett

Fotografia:
Franny Armstrong

Trilha Sonora:
Chris Brierley

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑