A Era do Gelo 3 (“Ice Age: Dawn of the Dinossaurs”, EUA, 2009)

Genre : ,

[youtube Lx6avpGCKVw]

Talvez este seja o filme – no caso animação – que mais entendeu como se faz um filme 3D. Ao contrário de direcionar todas as suas linhas de roteiro para que os efeitos 3D sobressaíssem na tela, o diretor brasileiríssimo Carlos simplesmente procurou manter sua narrativa fluida, como de costume, deixando que os efeitos em terceira dimensão aparecessem de forma natural.

História que, aliás, impressiona pela simplicidade e um auto-reconhecimento: se de um lado o público se pergunta porque mais uma parte de algo que parece ter esgotado suas possibilidades, de outro os próprios personagens começam fadigados de si mesmos como grupo, procurando de alguma maneira seguir cada um o seu caminho. Até que a preguiça Sid, único a querer manter o grupo, num ataque de solidão cai numa caverna e descobre ovos de dinossauros, os quais, pela cronologia da trama, já deveriam ter sido extintos. Não demora para a verdadeira mamãe vir atrás dos filhotes e leva o Sid de quebra. Então o mamute Manny, sua namorada Ellie e o tigre dentes de saber Diego devem se juntar com outros amigos para resgatar a preguiça num submundo até então desconhecido.

A simplicidade do roteiro se deve ao fato de que Saldanha se focou mais nos personagens: além de impecavelmente concebidos (reparem na textura de sua pele e pelos), eles estão mais carismáticos do que nunca, principalmente os filhotes de dinossauro no primeiro ato e a doninha metida a Rambo, Buck, os quais são uma atração a parte. E chegamos a um dos preferidos, o esquilo Scratch. Suas cenas são praticamente um outro filme. O encontro de uma sexy esquilinha, a trilha sonora depois que os dois se apaixonam e deixam a noz de lado e sua última cena são impagáveis.

E sim, temos grandiosas cenas de ação, mais outras engraçadíssimas cenas que conferem a Carlos Saldanha o status de um dos melhores diretores de animação da sua geração, rivalizando apenas com a Pixar e colocando a trilogia “A Era do Gelo” como uma imperdível para todas as idades.

[rating:4]


Ficha Técnica

Elenco:
John Leguizamo
Denis Leary
Ray Romano
Queen Latifah
Simon Pegg
Seann William Scott
Josh Peck
Crhis Wedge
Karen Disher

Direção:
Carlos Saldanha

Produção:
John C. Donkin
Lori Forte

Trilha Sonora:
John Powell

 

1 Comment

Leave us a comment

  • Clayton
    on

    É, eu estive lá. Duas semanas tentando uma vaguinha no cinema… Mas tanto a sessão mais próxima do horário que eu chegava no cinema, como a sessão posterior, já estavam lotadas. Até que resolvi ir na semana no dia de preço normal, funcionou, mas a sala ficou cheia do mesmo jeito. E valeu cada minuto. Primeiro porque não fui a uma sala 3D, pra mim animação não precisa disso, e “Era 3” realmente não precisou. De fato é impressionante que um filme voltado para o público infanto-juvenil consiga deixar tão palpável o fato de que o “grupo” se desgastou, afinal são espécies diferentes hábitos diferentes, e consequentemente a individualidade de cada um se sobressalta. Mas para o Sid parece-me que isso não existe, e ele luta com todas as armas para manter o grupo unido, entretanto como cérebro não é o seu forte, essa união se dá no caos que seu rapto provoca, colocando seus amigos em um mundo extinto repleto de perigos e onde “Manny” um dos maiores habitantes do gelo, não passa de um nanico nesse mundo até então esquecido no passado. Todos os novos personagens funcionam bem, os bebês dinossauros, o impagável Buck, porém mais uma vez Scratch rouba cada cena na qual aparece. As cenas de ação impressionam. E eu que sempre critiquei dublagem feita por atores, rendo-me ao bom trabalho que fizeram neste filme, o que funciona muito bem quando o diretor fala a mesma língua e permite brincadeira como o nome dado por Sid aos filhotes de T-Rex. Dá vontade de assistir mais uma vez!

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑