Aconteceu em Woodstock (“Taking Woodstock”, EUA, 2009)

Genre : , ,

Taí um filme muito bom, mais com muita coisa ruim. Depois dessa sentença muito mal construída (mea culpa) , pode-se dizer que Ang Lee exagerou em suas inovações. Depois da bem sucedida empreitada oriental em “Desejo e Perigo“, ele volta ao centro cultural americano revivendo o festival que marcou uma época, Woodstock. Só que tudo visto do ponto de vista do insuspeito e improvável Jake (Henry Goodman que ainda criança fez uma ponta em “Notting Hill“), filho de um casal dono de um hotel decadente no meio da cidadezinha onde moram e, por sorte, acaba articulando um terreno de um conhecido para o festival, o qual naquele momento ainda teria proporções mínimas. E a produção segue com as desventuras de todos os envolvidos no mega empreendimento de três dias de paz e amor.

Tecnicamente, Lee abraça a tela dividida, em tese, para dar ao espectador uma visão mais geral do que se passa ao redor da ação em três focos diferentes. Isso funciona no início, mas com a repetição além da conta, torna-se enfadonho. Ele também acaba flertando mais uma vez com a homossexualidade já vista em “O Segredo de Brokeback Mountain“. Aliás, um dos problemas é que pra tentar retratar o espírito do festival, o diretor flerta com todo o tipo aspecto envolvendo o trio sexo, drogas e rock’n’roll e acaba alongando o tempo de duração muito mais que seria indicado, contribuindo ainda mais para a morosidade da narrativa. Até um tal grupo de dança encabeçado por Dan Fogler (“Bolas em Pânico“) que não acrescenta em absolutamente nada e toma um tempo monstruoso, mesmo que ainda seja engraçadinho.

As melhores mensagens estão lá: a autodescoberta de Jake, o fato de que ele nunca consegue ver os shows, a difícil relação com os pais e tudo com uma profundidade tocante, porém dispersado pelos incensos e delírios das subtramas desnecessárias. Destaque para a brilhante atuação da veterana Imelda Staunton (“Harry Potter e a Ordem da Fênix“) que brilha como a ortodoxa mãe judia de Jake e que rouba todas as cenas em que participa. E também não é todo dia que vemos Liev Schreiber (“Um Ato de Liberdade“) como um travesti.

Aconteceu em Woodstock” é cheio de boas intenções, mas se arrasta para um final anti-climax, cujo equilíbrio beira o negativo e com técnicas e temas já abordados a exaustão.

[rating:2.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Henry Goodman
Imelda Staunton
Demetri Martin
Emile Hirsch
Paul Dano
Kelli Garner
Clark Middleton
Sondra James
Jeffrey Dean Morgan
Eugene Levy
Andy Prosky
Dan Fogler
Gabriel Sunday
Jonathan Groff
Mamie Gummer
Stephen Kunken
Adam Pally
Liev Schreiber

Direção:
Ang Lee

Produção:
James Schamus
Ang Lee

Fotografia:
Eric Gautier

Trilha Sonora:
Danny Elfman

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑