After: Depois da Verdade (“After We Collided”)

Depois do desastre do primeiro filme, chega a ser surpreendente constatar que o roteiro e direção conseguiram fazer melhor. Tudo bem que qualquer coisa seria melhor que o antecessor e que o “melhor” não significa ser bom, mas mediano. Não deixa de ser um mérito. E quem assume agora a direção é Roger Kumble que lá atrás fez o ótimo “Apenas Amigos“.

Começa muito bem retomando a história de onde parou e com uma leve e interessante reviravolta, vemos que Tessa e Hardin estão separados, mas que logo vão se reencontrar e o amor deles terá que enfrentar alguns problemas tão triviais que chega a ser um pouco infantil.

Enquanto no primeiro, o plot poderia ser “Enfrentando os problemas causados por Hardin”, o segundo poderia ser “Enfrentando os problemas causados por Hardin e Tessa”. Ou seja, se por um lado a dinâmica deles como casal deu uma boa engrenada desde o início, por outro o roteiro inventa situações onde as decisões tomadas pelos personagens são as mais estapafúrdias possíveis, deixando a história tão rasa quanto falha, enquanto o espectador ainda tem que lidar com a canastrice de Hero Fiennes Tiffin como Hardin. Por sorte sua contraparte Josephine Langford melhorou muito e está ótima com um timing cômico e dramático na medida certa, por mais que o roteiro insista em sabotar o QI da personagem.

Com situações que copiam na cara dura momentos das sagas “Crepúsculo” e “50 Tons de Cinza” (até editora de livros tem), com direito a um ensaio de um triângulo amoroso fajuto, quem salva parte dessa trapalhada é justamente esse terceiro personagem que é um colega de trabalho de Tessa, interpretado pelo ótimo e desconhecido Dylan Sprouse que faz muito bem a leitura de cenário para se tornar um alívio cômico sem ser demasiado.

Ao final, percebe-se que está segunda parte nada mais é que a constatação do amor dos dois, ainda que eles como personagens sejam completamente incompetentes em manter o mínimo de uma relação. E pelo desfecho já sabemos o plot da continuação que fecha a trilogia: “Enfrentando os problemas causados pela vida de adulto”. Dispensável, porém evolui frente ao antecessor.

Curiosidade: Na cena da boite, há uma mulher que é perguntada sobre quais livros escreveu. Ela é Anna Todd, autora da trilogia “After”.

Ficha Técnica

Elenco:
Josephine Langford
Hero Fiennes Tiffin
Dylan Sprouse
Louise Lombard
Shane Paul McGhie
Candice King
Charlie Weber
Selma Blair
Samuel Larsen
Karimah Westbrook
Rob Estes
Inanna Sarkis
Pia Mia
Khadijha Red Thunder
Dylan Arnold

Direção:
Roger Kumble

Produção:
Mark Canton
Nicolas Chartier
Jennifer Gibgot
Aron Levitz
Brian Pitt
Courtney Solomon
Anna Todd
Michael Wexler

Fotografia:
Larry Reibman

Trilha Sonora:
Justin Caine Burnett

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑