Desejos e Traições (“The Sisters”, EUA, 2005)

Genre :

[youtube zXXv5oXzbhE]

Pra quem gosta do pastelão de conflitos de uma novela mexicana, esse é um prato cheio. Baseado na clássica peça de teatro “As Três Irmãs” de Anton Checkhov, ficamos assistindo a quase duas horas de filme em dois ou três cenários conflitos entre as tais três irmãs, parentes e agregados. Com um elenco digno de uma grande produção B, trazendo como as protagonistas Maria Bello (“Encurralados“), Mary Stuart Masterson (“Tomates Verdes Fritos“) e Erika Christensen (“Como Roubar um Banco“), “Desejos e Traições” é uma espécie de tragédia que deve funcionar muito bem no teatro, mas pouco acrescenta no cinema.

Primeiro, o roteiro dá a entender que nunca houve um tamanho desentendimento na família. Tanto é que no fim, o espectador deve ser perguntar como aquele grupo de pessoas agüentou conviver até aquele momento. Segundo, há tantos assuntos a serem discutidos que em muitas partes da trama, determinada questão é esquecida no auge de sua briga para dar lugar a outra e assim segue uma drástica mudança de focos para que a peça inteira entre na produção. E sinceramente, quase duas horas de palavras mais declamadas que atuadas, é difícil de agüentar. De bom, tem diálogos afiados (afinal é teatro) e a atuação do decano Rip Torn (“Maria Antonieta“) sempre roubando a cena. Pelo menos é melhor que ver a temporada inteira de “Os Ricos Também Choram“.

[rating:2]


Ficha Técnica

Elenco:
Maria Bello
Mary Stuart Masterson
Erika Christensen
Tony Goldwyn
Elizabeth Banks
Chris O’Donnell
Eric McCormack
Rip Torn
Alessandro Nivola

Direção:
Arthur Allan Siedelman

Produção:
Judd Payne
Matthew Rhodes

Fotografia:
Chuy Chavez

Trilha Sonora:
Thomas Morse

Posts relacionados:
A Outra Face da Raiva
Romulus, Meu Pai

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑