O Diabo Veste Prada (“The Devil Wears Prada”, EUA, 2006)

Genre :

[youtube izNsf6fC0n8]

Quem não leu o livro, viu o filme e às vezes os dois. Baseado no bestseller homônimo, essa sensacional comédia trata do relacionamento da mais recente estagiária de uma badalada revista de moda (em referência a Elle), Andy (Anne Hathaway de “Passageiros“) com sua chefe, a fria e – porque não dizer – endiabrada Miranda (Maryl Streep de “Mamma Mia!“).

Muitos elogios podem ser tecidos, como o fato do roteiro explorar, fugindo de qualquer clichê e com uma naturalidade ímpar, o crescente relacionamento da dupla de protagonistas e algumas das cenas mais hilárias (Miranda jogando às suas tralhas na mesa de Andy) até as mais marcantes (o célebre diálogo sobre como uma simples peça de liquidação é influenciado pela indústria da moda).

Mas nada disso é comparável ao desempenho de Meryl Streep. Sem dúvida, seu melhor papel nos últimos anos, digno de uma indicação ao Oscar. O publico começa odiando-a, mas depois seu personagem deixa aos poucos transparecer sua humanidade e assim, o espectador começa a entender porque ela é daquele jeito. E Streep consegue tudo isso sem afetações, apenas com o poder do olhar. Hathaway consegue ser o contraponto corretíssmo para Streep, mas é esta quem rouba todas as cenas. Outro destaque vai para Stanley Tucci (“Promessas de um Cara de Pau“) como o hilário porém amargurado gerente de moda e para os lindos olhos azuis de Emily Blunt (“O Clube de Leitura de Jane Austen“) como a outra assistente. Com um desfecho tocante sem ser piegas, “O Diabo Veste Prada” é algo para se assistir mais de uma vez e ainda sim achar algum detalhe não percebido.

[rating:4]


Ficha Técnica

Elenco:
Meryl Streep
Anne Hathaway
Emily Blunt
Stanley Tucci
Adrian Grenier
Tracie Thoms
Rich Sommer
Simon Baker

Direção:
David Frankel

Produção:
Wendy Finerman

Fotografia:
Florian Balhaus

Trilha Sonora:
Theodore Shapiro

 

3 Comments

Leave us a comment

  • saullo
    on

    cara…dizer q esse filme nao foi clichê…ta zuando, ne?

    mina boazinha arruma emprego, larga os amigos e namorado achando q a profissao vale mais a pena, viaja, dá p gostosao do filme, descobre q ele nao vale nada, que o emprego nao vale nada, que os amigos valem tudo, a mina volta a ser o q era antes, arruma um trampo legal e tudo acaba bem.

    pronto, tae esse filme e mais outros milhares, claro q as vezes a mina é um homem, mas nada q mude muita coisa.

    sinceramente nao sei pq a critica colocou tanta “gloria” em cima desse filminho q nao tem nada de diferente de qualquer comedinha.

    ps: meninas usem franja 😉

  • Clayton
    on

    Na boa, esse é um daqueles filmes que assisto ao lado da esposa obrigado, por amor mesmo. E olha a supresa, não é que o filme é bom. Parece realmente com uma estória que já foi contada antes mas com dois diferenciais que apagam todos os demais semelhantes, a ambientação no mundo da moda, e o elenco, e que elenco. Tucci, é ator mesmo! Hathaway encanta. Mas Meryl Streep o que é isso? Que atriz fantástica, criei antipatia por ela por conta deste filme. Sem estridência, as vezes apenas com um olhar de desprezo ou reprovação, mostra como alguém vista como carrasca pode intimidar sem ser ignorante no sentido troglodita da palavra. Realmente o “Diabo veste Prada”. Boa surpresa.

  • Daniel Eid
    on

    Só uma observação : pela ”infinita” vez temos um exemplo onde o livro se mostra superior a sua adaptação para as telonas ( exemplo mais atual disto : ”Blindness” ) o que é o caso de ”O diabo veste prada”.

    O livro é um best-seller, bastante famoso até mesmo no mundo da moda e apesar de não ser uma leitura que acrescente muita coisa em nossas vidas, lhe prende do ínicio ao fim e acaba se mostrando uma leitura prazerosa.

    _

    A adaptação para o cinema se mostra um bom filme particularmente pelas interpretações de Meryl Streep e Anne Hathaway. Detalhe : destaque para o final do filme, que se mostra diferente ao do livro e por isso deixa um pouco a desejar ( do que se fosse copiado idêntico )

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑