O Estado das Coisas (“Brad’s Status”)

Genre :
Actor : , , , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2017

Às vezes esse drama pode ser meio moroso, longo e, no máximo conter um anticlímax. Só que ele trata de um dos temas mais atuais na sociedade (apesar de ter sido lançado em 2017): a depressão causada pela comparação com a vida de pessoas aparentemente bem-sucedidas nas redes sociais.

Ben Stiller de “Zoolander” está perfeito nesse papel, pois ele sempre foi nosso “loser” favorito. Ele sempre usou essa sua persona de perdedor ou de subjugado na sociedade para fazer comédia e agora também coube muito bem no drama.

Ele é Brad, pai de família de classe média que leva seu filho a conhecer as faculdades que pode cursar (ritual americano bastante enraizado). Só que ele está deprimido e grande parte do filme envolve seus pensamentos sobre seus amigos de faculdade que tiveram mais sucesso do que ele e começa a se questionar se ele não falhou como profissional, pai, marido e pessoa.

A narrativa é introspectiva e filosófica. Ao mesmo tempo em que pode dispersar a atenção do espectador, também provoca profundas reflexões quanto ao protagonista sobre o conceito de sucesso e quais preços se paga para se chegar nesse ideal comparativo.

A conectividade com o público se encontra no fato em que, mais do que nunca, vivemos numa sociedade onde digital influencers e subcelebridades ditam o que é felicidade através de sorrisos tão falsos quanto seus filtros. Só que o filme vai além: se Brad descobre que alguém não é tão feliz quanto ele imagina, ele se sente melhor justamente por causa da depressão (o que passa rápido) ou começa a entender que não se pode comparar indivíduos e valorizar mais o que tem?

Tanto que o desfecho brusco é provocador no sentido em que questiona se estar vivo é suficiente, ou na ótima sequencia em que Brad conversa com uma jovem que lhe dá uma lição sobre pobreza, a técnica e a de espírito.

Preferi considerar “O Estado das Coisas” mais como um estudo de caso, do que como um filme propriamente dito e, aí sim, que vale cada reflexão.

Curiosidades:

– O diretor Mike White faz uma participação especial como o amigo Nick, enquanto o diretor de fotografia Xavier Grobet também faz uma participação especial como o marido de Nick.
– Mike White fez esse filme em homenagem ao pai que é um pastor de igreja e também por muitas vezes questionou seu próprio sucesso.
– Brad diz no filme que tem 47 anos, mas na época das filmagens, Bem Stiller tinha 51 anos.
– A tradução literal do título é “O Status de Brad”, que significa como se ele estivesse se expressando através de uma rede social.

Ficha Técnica

Elenco:
Ben Stiller
Austin Abrams
Jenna Fischer
Michael Sheen
Jemaine Clement
Luke Wilson
Shazi Raja
Luisa Lee
Mike White
Xavier Grobet
Adam Capriolo
Felicia Shulman
Jane Wheeler
Karl Graboshas

Direção:
Mike White

Produção:
David Bernad
Dede Gardner
Sidney Kimmel
Jeremy Kleiner

Fotografia:
Xavier Grobet

Trilha Sonora:
Mark Mothersbaugh

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑