Sequestro Relâmpago (“Carjacked”, EUA, 2011)

Genre : ,

É em produções como essa é que vemos até onde podem descer certos atores. Maria Bello de “Sem Saída” interpreta Lorraine, uma mãe deprimida que junto com seu filho, tem o carro sequestrado por Roy (Stephen Dorff de “Imortais”). Pronto, é isso. O filme inteiro. Aquilo que podia ser um curta-metragem ruim de dez minutos, dura noventa.

No meio desse caminho diálogos sofríveis mostrando o quanto ambos os personagens são patéticos. Tanto as tentativas de fuga de Lorraine quanto as tentativas de Roy de engatar um papo mais íntimo com a vítima são dignos de pena. Com tantas atitudes sem sentido dessa dupla, fica a torcida pro carro cair no penhasco e morrer todo mundo, só pro filme acabar logo.

O desconhecido diretor John Bonito (sério, esse é o sobrenome da figura) não utiliza nem elementos de dispersão na narrativa para tentar ludibriar o espectador. Ao invés disso se concentra quase que obsessivamente em acabar de vez com a paciência do público. Nem uma trilha sonora atraente tem, pelo gaiato que compôs pra outra bomba “A Tribo 2“.

Sequestro Relâmpago” faz com o espectador exatamente o que o título prega: sequestra noventa minutos da vida dele. Um caso de polícia.
[rating:1.5]

Ficha Técnica

Elenco:
Maria Bello
Stephen Dorff
Catherine Dent
Joanna Cassidy
Kristen Kerr
Gary Grubbs
Angelle Brooks
Tim Griffin
David Jensen
Dawn Himel
Connor Hill

Direção:
John Bonito

Produção:
Eric Gozlan

Fotografia:
Theo van de Sande

Trilha Sonora:
Bennett Salvay

 

1 Comment

Leave us a comment

  • Juliano
    on

    Muito boa a conclusão da crítica, me diverti rs
    Abraço.

Leave a Reply to Juliano Cancel Reply

↑ BACK TO THE TOP ↑