The Legend of Bloody Mary (EUA, 2007) ***INÉDITO NO BRASIL***

Genre :

[youtube 5Qy6t2Y9S5Y]

Tenho pena de Nicole Aiken. Ela é uma atriz. Ou pelo menos aspirante a tal. Tem uma boa desenvoltura e um potencial talento. Mas é lógico que pra Hollywood isso não significa nada. E como a maioria das estrelas em ascensão, em estagnação ou até que já nasceram na decadência, ela teve que começar com um filme de baixíssimo orçamento. Mas ela deu azar.

The Legend of Bloody Mary” é um dos piores filmes de terror que já passou por aqui. Aiken é a namorada de um imbecil que tem pesadelos sobre sua irmã desaparecida e finalmente descobre que quem a levou foi a tal Mary, uma bruxa executada por engravidar do líder de sua comunidade e canalha casado, mas que ninguém soube, pois ela não ousou contar de quem era o filho. Daí acharam que era de Lúcifer. Já no presente, algumas amigas acham na Internet um jogo que evoca a bruxa e começam a desaparecer. Por aí, já dá pra sentir a maluquice do roteiro. Cabe ao dublê de Cigano Igor e seus amigos desvendarem esse mistério antes que eles também desapareçam.

Os efeitos especiais parecem ter sido feitos num TK-95 da década de 80. O filme tem algo inédito: é a primeira produção que, para ser digno de seus 93 minutos, os diálogos são falados de forma pausada. Funciona assim: num diálogo, após a fala de um personagem, a câmera focaliza seu interlocutor pensando. Após 10 segundos, ele fala, e daí a câmera volta ao primeiro personagem que fica pensando e, após 10 segundos, fala novamente. E fica até o fim do diálogo. Simplesmente ridículo.

Isso sem falar que o elenco dá uma vergonha alheia ao ponto de, ao comparar com Malhação, poder indicar os meninos globais ao Oscar. E é por isso que no meio desse mar de lama, a Nicole Aiken se destaca. Sorte pra ela. Azar de quem ver esse engodo.

[rating:0.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Paul Preiss
Nicole Aiken
Rachel Taylor
Stephen Macht
Dean O’Gorman
Brittany Miller
Robert J. Locke
Caitlin Wachs

Direção:
John Stecenko

Produção:
Robert Ahrens
Robert J. Locke
Grant Sawyer

Fotografia:
Joe Hendrick

Trilha Sonora:
Steve Kiefer

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑