Trama Internacional (“The International”, EUA, 2009) ***NOS CINEMAS***

Genre : ,

[youtube KzMxMArYctE]

Será que um banco, através de seu sistema financeiro pode estar por trás de uma conspiração mundial? Pelo visto sim, já que “Trama Internacional” foi baseado no caso BCCI, ou Bank of Credit & Commerce International, escândalo financeiro ocorrido no final dos anos 80 e no início dos anos 90.

Clive Owen (“Elizabeth – A Era de Ouro“) é Sallinger, um agente da Interpol obcecado em provar que um banco de Luxemburgo é responsável por dezenas de mortes para proteger seu sistema financeiro de compra de armas e lavagem de dinheiro. Para isso ele conta com a ajuda da promotora de Nova York Eleanor (Naomi Watts de “Violência Gratuita“). Watts, diga-se de passagem funciona no filme apenas como coadjuvante de luxo.

Muito mais do que mostrar complexas tramas ou envenenadas cenas de ação, a produção procura responder algumas perguntas bastante intimistas, mas tampouco menos importantes: O que seria a justiça para nosso herói? Matar seu dono, quebrar seu banco ou o que? É interessante se deparar com essas questões, visto que o sistema financeiro mundial é muito vasto e que a morte de um dono de banco ou a quebra de um banco, apenas levariam o dinheiro em outra direção, mas ainda assim com os mesmos objetos escusos.

E mais: este heróis estaria disposto a viver à margem da justiça, fazendo-a com suas próprias mãos e seus próprios meios? Tudo isso brota num dos pontos altos no fim do segundo ato, num diálogo tenso entre Sallinger e um representante do banco vivido com paixão pelo sempre competente Armin Mueller-Stahl (“Anjos e Demônios“).

Com pelo menos uma ótima cena de ação (a do Guggenheim), “Trama Internacional” prova que um denso filme de suspense pode ser feito mais com diálogos do que com carros desgovernados.

[rating:3.5]


Ficha Técnica

Elenco:
Clive Owen
Naomi Watts
Remy Auberjonois
Patrick Baladi
Luca Calvani
Alessandro Fabrizi
Lars Joermann
Ty Jones
Armin Mueller-Stahl

Direção:
Tom Tykwer

Produção:
Lloyd Phillips
Charles Roven
Richard Suckle

Fotografia:
Frank Griebe

Trilha Sonora:
Reinhold Heil
Johnny Klimek
Tom Tykwer

 

1 Comment

Leave us a comment

  • curare
    on

    É verdade! Matar um banqueiro só fará o dinheiro mudar de mão. Então o que sugere? Matar todos? Heheheh!
    Estou na iminência de conseguir assistir Abandon Ship! Faz tantos anos que não o vejo, será que é tudo isso mesmo? Só sei que neste mar de nulidades do cinema hodierno as chances de sucesso são incomensuráveis!!!

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑