Visões de um Crime (“Faces in the Crowd”, EUA, 2011)

Genre : ,

Uma premissa de originalidade ímpar estragada por uma avalanche de clichês. Anna (Milla Jovovich de “Os Três Mosqueteiros”) é perseguida por um serial killer e na fuga bate a cabeça, desenvolvendo uma estranha síndrome que faz com que ela não reconheça nenhum rosto, nem mesmo o dela. Ele vira a principal testemunha e logicamente o principal alvo do assassino com a desvantagem de que não conseguiria reconhecê-lo mesmo que ele estivesse na sua frente.

O diretor de desenhos animados para TV Julien Magnat trouxe um interessante conceito visual: para dar o efeito do não reconhecimento do rosto, ele permanece trocando o elenco coadjuvante a cada vez que a protagonista tem contato com os personagens em diferentes momentos. Levemente hilário ela transando com seu namorado e a cada vez que abre os olhos, é um homem diferente.

Infelizmente a trama começa a desmoronar a partir do segundo ato quando se estabelece a dinâmica entre o assassino e Anna. O fato do assassino se aproximar dela e apenas provocá-la não faz o menor sentido, já que este sabe muito bem de sua nova deficiência. O roteiro entrega o assassino de bandeja e no início do terceiro ato, ele mesmo se entrega sem dar a mínima sobre esconder seus rastros, dando a impressão de um roteiro desleixado que fez ele se revelar só porque estava acabando o tempo regulamentar.

Mais clichê ainda é a personagem especialista em na doença de Anna que solta frases feitas tão sem sentido e que parecem saídas de livro de auto-ajuda que tornam essas as cenas mais constrangedoras da produção. E o que dizer de Julian McMahon (“Premonições”) como um policial que com aquele cavanhaque canalha parece mais um delegado da novela das 20h da Globo.

Pra gostar de “Visões de um Crime” é preciso ter um desprendimento muito forte de detalhes como lógica e coerência. Não fosse pela sua premissa, seria proibitivo.
[rating:2.5]

Ficha Técnica

Elenco:
Milla Jovovich
Sarah Wayne Callies
Julian McMahon
Michael Shanks
Sandrine Holt
Adam Harrington
Valentina Vargas
Marianne Faithfull

Direção:
Julien Magnat

Produção:
Kevin DeWalt
Jean-Charles Levy
Clément Miserez

Fotografia:
Rene Ohashi

Trilha Sonora:
John McCarthy

 

4 Comments

Leave us a comment

  • Alice
    on

    Oi, sei que essa sua crítica é de 2012, mas preciso dizer: concordo com cada palavra. Ótima crítica, expressou bem oq eu senti em relação ao filme!

    • Aldo
      on

      Muito obrigado Alice! Continue frequentando e comentando no nosso blog! Esse nosso é de meu e seu, viu? 😉
      Grande beijo!

  • Paulo Oliveira
    on

    Gostei muito do filme! Sério mesmo! Mas me diverti muito com a sua crítica: acidez e bom humor na medida certa! hahaha Parabéns!

    • Aldo
      on

      Muito obrigado Paulo! Espero que você continue nos visitando sempre! Grande abraço!

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑