Lost Girls – Os Crimes de Long Island (“Lost Girls”)

Genre : ,
Actor : , , , ,
Country :
Release Date : 2020

Logo no início o novo filme da Netflix já diz que a história é baseada num caso não solucionado, o que procura alinha a expectativa do público em torno do desfecho, isto é, não vamos encontrar o vilão.

Amy Ryan de “Don Verdean: O Que O passado Nos Reserva” é Mari, mãe de três filhas que, aparentemente nunca se saiu muito bem nesse tema de maternidade. Quando a mais velha desaparece, ela começa a instigar a polícia e é quando descobrimos que sua filha era garota de programa durante a investigação, o agente Dormer (Gabriel Byrne de “Ninguém Deseja a Noite”) e seu time descobrem quatro corpos de outras prostitutas próximo ao local de desaparecimento da filha de Mary, o que pode se configurar num serial killer que vem matando a anos.

A narrativa se divide em duas tramas com a mesma relevância: a investigação em si, onde Mary parece ser peça fundamental; e o drama familiar dela com as suas filhas. Ryan está muito bem como a mãe que sempre fechou os olhos para a criação das filhas, mas que agora sente um profundo propósito em se redimir.

Por outro lado, talvez tenha havido alguma falha na condução, pois ao invés de uma trama potencializar a outra, elas se diluem entre si, drenando parte da energia da tensão da busca pelo culpado e por mais potenciais vítimas e a energia do drama da protagonista e como isso afeta as filhas que ficaram com ela. Tanto que no desfecho, logo antes dos créditos, é contado um fato que talvez tenha tanta relevância dramática ou até mais do que todo o filme (vou deixar essa informação nas curiosidades para quem quiser ler sem ver o filme).

Lost Girls” é um drama eficiente de uma história com grande afinidade no momento social atual e condução razoável.

Curiosidade:

– As fotos das outras vítimas que aparecem no filme são reais.
– Há uma cena de noticiário em que aparece um policial dando um briefing para a equipe de jornalistas. Esse é o verdadeiro agente Richard Dormer.

SPOILER – SÓ LEIA SE JÁ TIVER VISTO O FILME!!!

– Em 2016 a filha mais nova de Mary mata a própria mãe num ataque psicótico. Não vemos essa cena no filme, porém é dito no desfecho. Durante o filme apenas é colocado superficialmente que Sarra, a filha mais nova, toma antidepressivos.

Ficha Técnica

Elenco:
Amy Ryan
Thomasin McKenzie
Gabriel Byrne
Lola Kirke
Oona Laurence
Dean Winters
Molly Brown
Miriam Shor
Ana Reeder
Grace Capeless
Reed Birney
Kevin Corrigan
Jimi Stanton
Matthew F. O’Connor
Rosal Colon

Direção:
Liz Garbus

Produção:
Anne Carey
Kevin McCormick

Fotografia:
Igor Martinovic

Trilha Sonora:
Anne Nikitin

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑