Outra Rodada (“Druk”)

Genre :
Actor : , , , ,
Director :
Country :
Release Date : 2020

Se a comédia “Se Beber não Case” fosse um filme sério, era provável chegasse nessa produção dinamarquesa que está concorrendo a um lugar dentre os indicados do Oscar.

Talvez seja um dos mais relevantes filmes sobre alcoolismo dos últimos anos. A primeira razão para isso é que ele parte do princípio de que quem entra no alcoolismo acha que isso só acontece com os outros. Quatro professores fazem um experimento social de manter uma certa dosagem de álcool por dia para entender seus efeitos, sejam benéficos ou prejudiciais. Quando o experimento aumenta essa dosagem, as coisas começam a sair do controle.

Apesar do filme analisar os diferentes efeitos em cada um dos personagens, fica claro que a dinâmica é capitaneada pelo personagem do ícone Mads Mikkelsen de “Ártico”, um professor que se desinteressou pelo trabalho e pela família e com a bebida tem a chance de revisitar sua vida com outros olhos, isso se ele não se tornar um alcóolatra e acabar com o pouco que tem.

O diretor Thomas Vinterberg que já trabalhou com Mikkelsen em “A Caça” (onde ele também era um professor) toma o cuidado de não se posicionar a favor da abstinência, mas sim de um peculiar equilíbrio que varia de pessoa em pessoa, o que é o segundo motivo de relevância da obra. Tanto que o desfecho é subjetivo ao ponto do espectador apenas imaginar o quanto os personagens principais aprenderam a lição ou se ainda poderia acontecer reincidências ruins.

O elenco está impecável com Mikkelsen no comando e com destaque para Thomas Bo Larsen (também de “A Caça”) que tem uma brilhante performance.

Outra Rodada” traz um equilíbrio fundamental entre o drama e o bom humor para que não se torne apelativo e transmita um toque (ou choque) de realidade para quem o assistir. Recomendadíssimo.

Curiosidades:

– O personagem de Mads Mikkelsen, Martin, era pra ter um filho e uma filha no filme. A filha iria ser interpretada pela filha do diretor Thomas Vinterberg. Infelizmente 4 dias antes das filmagens de suas cenas, ela perdeu a vida num acidente de carro. O diretor ficou tão arrasado que colocou Martin com 2 filhos para não ter a menina.
– Mesmo com a pandemia, foi o drama mais visto nos cinemas da Dinamarca nos últimos 7 anos.
– Nenhuma bebida do filme era real. Mas depois das filmagens, diretor e os quatro atores principais iam para um barzinho tomar umas.
– A Dinamarca (onde o filme foi produzido) tem um dos maiores índices de adolescentes alcóolatras do mundo.
– O grande navio visto no fim do filme pertence à família real dinamarquesa.
– A coreografia de dança no final foi ensaiada e feita pelo próprio Mads Mikkelsen. A sequencia demorou dois dias para ser filmada, sendo 5 a 6 horas de filmagem por dia.
– A música no fim do filme se chama “What a life” é cantada pela banda Scarlet Pleasure. Mads Mikkelsen não sabia, mas o vocalista da banda Emil Goll é amigo da filha dele e inclusive já deu carona duas vezes para o cara junto com a sua filha quando foi apanhá-los em festas. Detalhe: nas duas vezes Emil Goll estava completamente bêbado.

Ficha Técnica

Elenco:
Mads Mikkelsen
Thomas Bo Larsen
Magnus Millang
Lars Ranthe
Maria Bonnevie
Helene Reingaard Neumann
Susse Wold
Magnus Sjørup
Silas Cornelius Van
Albert Rudbeck Lindhardt
Martin Greis-Rosenthal

Direção:
Thomas Vinterberg

Produção:
Kasper Dissing
Sisse Graum Jørgensen

Fotografia:
Sturla Brandth Grøvlen

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑