Campo Minado (“Mine”)

Genre : ,
Actor : , ,
Director : ,
Country : , ,
Release Date : 2016

Por Um Fio”, “127 horas”, “Demônio”, “Mar Aberto”, “Enterrado Vivo”. Todos filmes onde o(s) protagonista(s) se encontra(m) numa situação de praticamente uma imobilidade, seja por deficiência, espaço claustrofóbico ou contexto externo. E o resultado (leia-se, a qualidade) também é o mais diverso.

Campo Minado” se junta ao hall desse subgênero, com originalidade na premissa, mas se utilizando de muitos elementos já vistos nessas outras produções. Armie Hammer de “Free Fire” é Mike, um soldado que no meio do deserto do Afeganistão, deve fugir depois que uma operação deu errado. Só que nessa corrida ele pisa numa mina e, ao sentir a besteira que fez, precisa ficar parado, senão explode (ou como é dito em certa hora, tem 7% de chance da mina estar desativada). Então ele precisa enfrentar as intempéries do clima, de animais selvagens, mas principalmente de seu próprio subconsciente que começa a funcionar mal debaixo de tanto sol e tanta pressão, com flashbacks de seu conturbado passado.

Dirigido pela desconhecida dupla italiana Fabio Guaglione e Fabio Resinaro que também escreveram o roteiro, o filme tem mais acerto do que erros: entender a personalidade de Mike através dos delírios do seu passado, confrontando com a sua realidade e até mesmo a bela subtrama do berbere que ele encontra e sua filha são interessantes artifícios dramáticos que enriquecem a história e, inclusive geram ótimas rimas visuais e sonoras, como, por exemplo, se o estalo dele pisando na mina fosse uma analogia para todos os momentos de sua vida em que dar um passo a mais foi decisivo, ou até mesmo a sua posição abaixada com um joelho no chão se refletindo tanto no deserto, quando em seu relacionamento com a namorada e a família.

Há alguns momentos um tanto abstratos demais, tal qual houve em “127 Horas” e, inclusive, desnecessários, o que poderia economizar em tempo, pois são mais de 100 minutos de filme. E o excesso desses retrospectos dramáticos muitas vezes tira o foco da já dramática situação, onde em tempo de projeção, ele parece sofrer mais com sua consciência do que com as intercorrências físicas da sua situação que poderiam ser muito mais exploradas.

Campo Minado” funciona bem como um drama, mas talvez tenha quisto distribuir esse drama em tantas subtramas que perdeu de vista sua essência. Mas nem por isso diminui o bom resultado.

Ficha Técnica

Elenco:
Armie Hammer
Annabelle Wallis
Tom Cullen
Clint Dyer
Geoff Bell
Juliet Aubrey
Inés Píñar Mille

Direção:
Fabio Guaglione
Fabio Resinaro

Produção:
Bruce Anderson

Fotografia:
Peter Safran

Trilha Sonora:
Luca Balboni
Andrea Bonini

 

No Comments

Leave us a comment

No comment posted yet.

Leave a Comment

↑ BACK TO THE TOP ↑